Páginas

domingo, 16 de outubro de 2011

Esbanjando emoções





"Prefiro esbanjar emoções. Mesmo que doa. 

Mesmo que, um dia, eu possa me arrepender. 

Meus arrependimentos duram pouco, 



alguma coisa me cutuca e diz olha, que bom que você fez.

Que bom que você teve coragem. Que bom que você sente.

Que bom que você tenta. Tentar é se arriscar.

E tudo na vida tem metade de chance de dar certo. 

E a outra metade? 

De dar errado.

Mas não é poupando que você saberá." 

. Clarissa Corrêa .






Achei este texto publicado no mural do Facebook de uma amiga, me identifiquei e resolvi também postar!
Me identifiquei talvez pelo que algumas pessoas me falam sobre a minha forma de ser intensa demais... 
Quando choro, choro horrores, de soluçar. Quando gosto, gosto de verdade!
Não sei medir sentimentos, escolher palavras, atenuar reações, sou o que sou!
Não sei fingir gostar daqueles que só aprendi a conviver por educação.
Sou transparente mesmo, mas não me arrependo, ou me arrependo as vezes,mas ainda assim, 
vejo como metade acerto e metade erro e assim  a vida segue!

Um comentário:

João Paulo Moço disse...

Arriscar é fundamental. Sem tentativa, a chance de vitória é insignificante.

Gostei do seu blog. O que me chamou mais atenção é que ele tem o nome bem parecido com o meu: "Meus Singelos Devaneios".

Se quiser ler um de meus sonetos, fique a vontade: http://meussingelosdevaneios.blogspot.com.br/

Parabéns pelo espaço tão aconchegante que você mantém aqui.