Páginas

quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

Para 2010...


Que tenhas sabedoria e discernimento


Pra manter o que te faz bem,


Mandar embora o que te faz mal,


Chacoalhar o que te mantém na mesma e


Receber o que vier de novo!!!


Um ano de 2010 colorido, de sonhos realizados, saúde, paz, amor, união, VERDADE, amigos, festas, poesia, alegrias, suspiros, estudos e reflexões, dinheirinho no bolso, consciência pelo meio ambiente e

milhões de felicidades...


Amigos, familiares, amores ... obrigada pela companhia e compreensão neste ano que fica e o pedido de que possa contar com vocês em 2010!

AmooOOoOoo todos, todinhos cada um do seu jeito maluco e

amo muito exageradamente!

sábado, 26 de dezembro de 2009

2010 de ESPERANÇA!!!

"Lá bem no alto do décimo segundo andar do Ano

Vive uma louca chamada Esperança

E ela pensa que quando todas as sirenas

Todas as buzinas

Todos os recos-recos tocarem

Atira-se

E...

- Ó delicioso vôo!

Ela será encontrada miraculosamente incólume na calçada

Outra vez criança...

E em torno dela, indagará o povo:

- Como é teu nome, meninazinha de olhos verdes?

E ela lhes dirá:

(É preciso dizer-lhes tudo de novo!)

Ela lhes dirá bem devagarinho, para que não esqueçam:

- O meu nome é ES-PE-RAN-ÇA..."




Mário Quintana... eterno!




quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

O lindo Cravo ganhou da Rosa ("Violeta")...

Acabei de ler um e-mail de um dos seguidores ocultos do antigo e novo blog.


Neste e-mail que me enviou, me mandou a letra desta música da Maria Gadú, que passei a escutar... acho que ela me tras lembranças boas e é a cara, ou melhor, para mim é a voz do verão!


Linda Rosa ("Violeta") - Maria Gadú


"Pior que o melhor de dois

Melhor do que sofrer depois


Se é isso que me tem ao certo

A moça de sorriso aberto


Ingênua de vestido assusta

Afasta-me do ego imposto


Ouvinte claro, brilho no rosto

Abandonada por falta de gosto


Agora sei não mais reclama

Pois dores são incapazes


E pobres desses rapazes

Que tentam lhe fazer feliz


Escolha feita, inconsciente

De coração não mais roubado


Homem feliz, mulher carente

A linda rosa ("Violeta") perdeu pro cravo"




É um fofo querido mesmo esse ser anônimo!

A Violeta assim, acaba sempre perdendo pro Cravo...

Alguns dizem que essa Violeta tem o coração tão duro quanto manteiga congelada, outros dizem que a cabeça é de jaca... para outros são Violeta. Acho que, na verdade, um pouquinho de tudo isso junto e misturado...


PS: Anônimo... obrigada pela música, "singela homenagem" - como dissestes - de muito bom gosto!





Minhas semelhanças com a LUA...

Sou mesmo uma mulher de fases...
Porém, um tanto complicada e quase nada perfeitinha, ao contrário da música aquela que cantam os Raimundos...

Uma poesia da Cecília Meireles explica essas fases de lua adversa...


"Tenho fases, como a lua.
Fases de andar escondida,
Fases de vir para a rua...
Perdição da minha vida!
Perdição da vida minha!
Tenho fases de ser tua,
Tenho outras de ser sozinha.

Fases que vão e que vêm,
No secreto calendário
Que um astrólogo arbitrário
Inventou para meu uso.

E roda a melancolia
Seu interminável fuso!
Não me encontro com ninguém
(tenho fases, como a lua...)
No dia de alguém ser meu
Não é dia de eu ser sua...
E, quando chega esse dia,
O outro desapareceu... "

terça-feira, 15 de dezembro de 2009

Amizade X Abandono!



Que mania feia essa que algumas pessoas tem de julgar outras sem nem bem as conhecer, rotulando-as, sem nem mesmo saber o porque de suas atitudes...

Que mania essa ridícula de se importarem mais com a vida dos outros de que com sua própria existência...


Fico tentando entender essas pessoas, as vezes até me pego perdendo meu santo tempo analisando-as... e nessas sinjelas análises de uma apaixonada pela vida humana, mas sem nenhum conhecimento aprofundado no assunto, em termos de psicologia, psiquiatria, filosofia e até mesmo sociologia, tiro ainda algumas observações interessantes...

Percebi que essas "pobres" pessoas, são assim por pura carência, uma carência quase que doentia, que acaba levando-os à inveja, à mentira, à solidão, à rotina...

Inventam coisas que não existem, talvez são personagens que criam para servir de companhia ao seu ser solitário e medíocre. São pessoas que não sabem o gosto de uma amizade verdadeira, de um sorriso dado sem a espera de algo em troca, de uma mão que ao ser estendida, existe outra a sua espera... são pessoas que maliciam, distorcem, complicam o que é simples, que é claro, que é verdadeiro...





Bom, não sou a mais correta das criaturas, nem a mais santa, a mais inteligente, querida, enfim... não sou "A Banbanban", mas tenho várias pessoas maravilhosas ao meu redor, que escolheram estar próximo (POR LIVRE E ESPONTÂNEA VONTADE).


Não imploro ou implorei a amizade de ninguém, não suplico companhia para um café, um almoço ou um simples convite para sentar na mesa de um bar... naturalmente estou rodeada dessas pessoas maravilhosas, o que me leva a crer, que sou uma boa pessoa, uma agradável companhia e que minhas atitudes, corretas ou nem tanto, não fazem mal ou prejudicam alguém de alguma forma.

As pessoas se aproximam uma das outras pelas afinidades, pelo brilho no olhar, pelo tom de voz, pelo cheiro, pelo ar de mistério, enfim, seja lá o que for, a explicação é que é algo tão forte, que nos toca o coração de uma forma, que na maioria das vezes, não sabemos explicar.

Por isso digo, quando gosto, morro de amores e faço de um tudo para estar perto, para agradar, para fazer com que a pessoa sinta o bem que eu a desejo... mas quando não gosto, é porque o Santo não cruza mesmo... ai, não tem bonequinho de VooDoo, mandinga, oferenda que resolva a antipatia.

Não julgo, mas também não quero pessoas ruins perto de mim, pessoas de humor negro, que carregam uma aura pesada e escura... quero pra mim, é alegria, diversão, bom humor, inteligência, amizade, companhia, reciprocidade, simplicidade, VERDADE!!!



Duas frases do livro O Pequeno Príncipe, podem resumir o que quero dizer:


* "Só se vê bem com o coração. O essencial é invisível aos olhos!!!"


* "Você é eternamente responsável por aquilo que cativas!"


Bom, passemos a enxergar com o coração e saibamos cativar mais, pois assim, a busca da felicidade não será em vão e com certeza será mais fácil, por teremos companhia, amor, amizade e mais força de vontade para continuarmos a eterna busca! Teremos sempre mãos que nos acompanham...






PS: Aos meus amigos, obrigada pela companhia, pelo sorriso, carinho,

Pela amizade, dedicação, paciência, reciprocidade,

Pelo convite, espera, enfim, por deixarem ser cativados

E por me cativarem...

Um beijo e um "xero"!

Amo vocês, do fundo do meu coração exagerado!!!




segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

TPM - II


Li no Blog TPM, o qual sou seguidora, um post sobre a própria TPM.
Na hora lembrei de uma amiga, que sei que passa bons bocados nessas épocas.

Por que mulher tem que passar por isso hein?
Assim como dizia lá no blog da Andreia, mulher devia ser judicialmente interditada na fase de Transtornos Pré (ou Pós) Menstruais.

Mulher tem algum privilégio de pena, se comente algum crime sob este estado mensal de fúria por que passa?

Bom, não sei todas, mas eu fico tão insuportável, que muitas vezes, nem eu mesma me aguento...

Insegurança, irritação, aborrecimentos, sensibilidade, fragilidade e ao mesmo tempo uma força que só pode vir do além, assim como muitas vezes, uma choradeira ao extremo que tenho medo de causar alguma inundação!!!

Pelo bem da humanidade... será que existe algum remédio?? Acho que não existe remédio que tenha real eficácia... Bom, acredito que somente muita paciência e carinho alheio para salvar uma mulher da TPM!

Conversas Interdisciplinares II





Grego diz:
*Eae!!


Violeta diz:
*oiiiii
*tudo Philos??
*hehe


Grego diz:
*td certo
e tu?


Violeta diz:
*tudo certo tbm...


Grego diz:
*tenho um poema que fala sobre tua frase ai


Violeta diz:
*sério??
*afffe
*as vezes só se perdendo mesmo né...
*pra voltar ao caminho..
*hehehhe
*eu ando me perdendo demais ultimamente
*me manda ai pra eu ler

Grego diz:
*te envio, mas não envie pra ninguém, estou para publicar um livro


Violeta diz:
*claro né;...
*é pra "uso" próprio...
*hehe


Grego envia: …
Ab*ir*Alt+A)
Você recebeu C:\Users\Usuário\Documents\Meus arquivos recebidos\Vivendo Solto.doc com êxito *e

Grego.


Violeta diz:
*Mazááá Philos hein...
*poeta!!!
*bem nisso mesmo.. imagine que tivéssemos asas...


Grego diz:
*sim


Violeta diz:
*nos perderíamos ainda muito mais... pra tentar nos encontrar
*essa ideia de lançar livros...
*não dá pra deixar morrer..
*tem que ir a luta mesmo


Grego diz:
*to na busca por patrocínio
*vou comer... **** ...se estiver, depois falamos


Violeta diz:
*tá bom.. beijus


Grego diz:
*voltei
*que tu achou do poema?


Violeta diz:
*bom...
*e por isso acho que tem que correr atrás de patrocínio
*olha isso... aliás, leia isso..


Grego diz:
*tenho um de mil reais..preciso de mais 3...podias patrocinar..né?!


Violeta diz:
*"a mulher padece de uma miopia intelectual que lhe permite ver com grande penetração as coisas que a cercam. Mas seu horizonte é limitado, o que está longe dele se lhe escapa."
*e ainda: talvez devido a essa miopia é que a mulher se deixa, quando ama, facilmente levar. Nela fala mais alto o sentimento: quando ama não usa da razão. Alguém já escreveu:
*'tirai o amor do mundo, que a mulher deixa de pecar; pois o pecado da mulher é o pecado de amar.'
*eu??? pobre do jeito que to.. heheh


Grego diz:
*tu quem escreveu?


Violeta diz:
*não...
*é de um livro sobre crimes sexuais que to lendo para um trabalho de penal...
*mas o que acha disso?


Grego diz:
*é real


Violeta diz:
*acha mesmo real??
*acho ultrapassado!!!!!


Grego diz:
*sim...tu não?


Violeta diz:
*bom, não real na sua totalidade


Grego diz:
*na grande maioria creio q sim...de q ano é o livro?


Violeta diz:
*ehhehe
*vou ver esperai
*1992
*acha que mesmo nos tempo atuais, o sentimento fala mais alto que a razão?


Grego diz:
*não deveria, todavia, me parece
*mudaram algumas coisas quanto a mulher, mas nelas continuará imperando a emoção...é da natureza feminina


Violeta diz:
*eu também sou assim??
*me julgo achando que penso demais, que uso demais uma "razão" que as vezes pode ser então um disfarce da emoção


Grego diz:
*pode ser uma forma de proteção...talvez até medo...com razão..nos dias de hoje é complicado mesmo agir com o hemisfério direito do cérebro...
mas não tem alguém que tu sente algo a mais e se deixa libertar?


Violeta diz:
*só tu Philos...
*ehhehhe
*brincadeirinha
*é.. pode ser...

Grego diz:
*mas quando tu te interessa por alguém desejas estar com essa pessoa, não é? penso que isso é normal..e não é só uma questão de emoção, tem mais coisas que entram em questão...algumas se interessam por beleza outras pela inteligência outras por dinheiro outras pela forma de andar vestir pela bunda...outras por mais de uma característica...outras ainda por todas


Violeta diz:
*sim, eu entendo... mas é uma coisa que homem também sente...
*não só um impulso feminino...
*afffe
*acho isso que te enviei... o texto..
*um discurso um tanto machista e possessivo...


Grego diz:
*não digo impulso...embora muitas assim o façam
*esta é uma característica do homem mesmo...possessão...mas a mulher tbm é assim


Violeta diz:
*filosofias de domingo...


Grego diz:
*pois é...quem sabe paramos de filosofar e agimos nos beijando...creio ser o melhor


Violeta diz:
*uhuuuu
*heheheh
*se levar pela emoção??
*to mudando meus conceitos, repensando minhas atitudes


Grego diz:
*se não tiver emoção não acontecem as coisas boas


Violeta diz:
*ahhh mas uma emoção controlada
*não uma vida levada pela emoção
*longe da razão...
*emoção é impulso pra mim..
*e a razão também dá bons frutos
*com razão também acontecem coisas boas
*precisamos de um equilíbrio razão X emoção


Grego diz:
*claro q não sou emocionado..prefiro o equilíbrio
mas deixar as filosofias um pouco de lado é bom
*não achas um decisão equilibrada nos beijarmos


Violeta diz:
*é.. bem equilibrada mesmo
*ainda mais que começou a me dar um soninho...
*nos despedimos com um beijo então??


Grego diz:
*agarrar
*assim
*mas nos beijando perderás o sono
*desejas perder o sono?


Violeta diz:
*bah;...
*se hoje fosse sábado..
*não me importaria em perder o sono
*mas como é domingo... necessito dormir pra poder começar bem a semana...
*deixamos esse beijo pra um sábado então


Grego diz:
*por mim no próximo estou livre



Violeta diz:
*então tá..
*ainda mais que é véspera de feriadooo
*não teremos demais preocupações


Grego diz:
*feriado e na segunda?

Violeta diz:
*o feriado é na segunda mesmo
*to perdida no tempo

Grego diz:
*trabalho no domingo...mas se começarmos a nos beijar cedo da noite no sábado não terá problema


Violeta diz:
*hehehhe
*domingo que horas tu começa a trabalhar??


Grego diz:
*as 8:00


Violeta diz:
*ahhh
*se começarmos 8 da manhã de sábado tá beleza o que acha??


Grego diz:
*não tem aula?


Violeta diz:
*eu tenho...
*não sei se tu tem...
*acho que não


Grego diz:
*que horas é tua aula?


Violeta diz:
*8:30


Grego diz:
*sábado é 31... então tenho aula


Violeta diz:
*tá.. então depois da aula..


Grego diz:
*te pego as 19:00 então


Violeta diz:
*hum..
*bom horário


Grego diz:
*onde te pego?


Violeta diz:
*onde tu vais estar?


Grego diz:
*fazemos assim então...as 8:00 da manhã como sugeristes...para uma prévia, aqui... depois combinamos para a noite


Violeta diz:
*hehehhe
*mas são bobinhos....
*prévia é ótimooooo
*heheh


Grego diz:
*hahahah
sim para sentir a carne


Violeta diz:
*ahhaahah
*boa essa de novo.. sentir a carne...
*bom, filosofia em domingo... é só o que pode resultar mesmo
*essa conversa vai pro meu blog..
*permite????


Grego diz:
*claro que não


Violeta diz:
*ahhh
*deixa...
*por favor...
*sem nomes...
*não vou colocar teu nome...
*deixa, deixa, deixa...
*???????????
*vou depois continuar com um texto...
*ahhhh


Grego diz:
*se tu tiver paciência...até sábado...então terás minha autorização e muito mais conteúdo p/ teu texto...


Violeta diz:
*ahhh
*com toda minha ansiedade?
*deixa vai...


Grego diz:
*somente depois de sábado
*tenho que ir


Violeta diz:
*ah Philos...
*deixa.. preciso postar algo..
*tá.. vai lá..
*bom trabalho... e cuida do grilo
*beijus
*até amanhã na aula!


Gregoo diz:
*até
beijo